sexta-feira, janeiro 09, 2009

Akita Hachi No Maru







A história do cão akita, Hachi, é real.


Começa em 1923, no Japão.





O filme baseado na história, tenta retratar fielmente os fatos. Não sei se nome certo do filme é este mesmo, mas digitando assim, vcs encontrarão.



Em resumo, o cão é adotado, foi uma espécie de presente à uma família que havia perdido seu outro akita, por questão de seu falecimento.



A princípio só a filha mais velha queria o cachorro, pois os outros ainda sofriam com a morte do primeiro cão.




Entretanto, Hachi foi ficando e conquistou todo mundo. Ele escolheu o chefe da família como seu dono predileto.



Todos os dias acompanhava seu dono até a estação de trem e no fim da tarde, voltava para esperá-lo.


Não contarei mais o que acontece a partir daí, pois eu não consigo falar nesta história, sem que meus olhos marejem...



Para terem um a idéia, no final do filme, eu chorei tanto, que no dia seguinte eu tava com cara de coruja, de tão inchada! 0.0'


De qualquer forma todos os apaixonados por animais e aqueles que não os respeitam, deveriam SIM, assistir a esse filme, maravilhoso!
faço questão de indicar para que vcs vejam e depois venham comentar... ^..~




Todas as imagens aqui postadas, são verdadeiras, inclusive a do próprio Hachi. (no topo)








***Estátua em homenagem a Hachi, no Japão.***






***Lápide de Hachi, no Japão***





10 comentários:

Chicomar = disse...

Eu não aguento de ver filmes assim com animais..

eu tive uma akita, toda branca, Yuki (neve)

tão linda.. tão carinhosa... infelizmente ela faleceu :(

mas essa raçã é tão protetora.. tão brincalhona e companheira...

amo amo e amo!

Beijããão linda

Luiza disse...

q fofo ^^''

Belcrivelli disse...

Acho que já ouvi falar desse filme. Preciso conferir!
É bom saber de outras pessoas que também trocam as palavras. Ao meu redor, tudo o que vejo são risadas e nunca converso com alguém que faça o mesmo...

Fabrício Romano disse...

De uns tempos pra cá, morando na casa da minha namorada e da gata dela, passei a ter um grande respeito pelos animais... não entendo como tem gente que os maltrata, esses sim são psicopatas... e tem um cão que apareceu aqui na rua do caralho, espertoi, carinhoso, bonito... não sei se teria um cão (eu sei que você tem um monte), ficaria muito mal quando ele morresse,
e também não quero saber o que aconteceu com o Hachi :~/

bjão, boa semana, Barba(ra).

Anônimo disse...

Assisti o filme hoje.
Muito bom, quase me fez chorar. Tenho uma cadela e sei como é.
Recomendo. Também recomendo A garota que podia saltar no tempo (anime).
abraços

Bárbara Stracke disse...

Querido Anônimo,

(gostaria de saber quem é.)

Eu chorei litros com esse filme e essa indicação que me deu, não seria a Garota que podia parar o tempo?

Assisti um pouco, mas dormi (shame on me!) porém tenho gravado e assisitirei para postar.

Obrigada!!!

Drocell disse...

Nossa acabei de assisti, durante o filme eu qse chorei, mas no fim eu n aguentei eu chorei taaaaaaaaaanto
ate agora as lagrimas caem :~

Anônimo disse...

Eu tenho um Akita idêntico ao Akita do Filme, inclusive o comportamento!
Os Akitas são incríveis. O nome do amigo é Shaolin. A alguns anos atrás eu sofri um acidente automobilístico gravíssimo em que eu estava com o Shaolin no carro e após o acidente ele ficou todo o tempo lambendo o sangue do meu rosto e tentando me acordar não deixando que a multidão se aproximasse, inclusive havia muitos obsetos de valor dentro do carro que não forão roubados. Quem viu a cena fez questão de ir ao hospital p me dizer o quanto estava impressionado com o companherismo do Shaolin. Inclusive soube através de um oficial do corpo de bombeiros que a multidão ficou emocionada e muitas pessoas choraram. O problema que o pessoal do corpo de bombeiros só conseguiram me resgatar depois que lançaram uma rede no Saholin e logo após apricaram um dose de sonífero.
Ele também já me livrou ser assaltado por quatro bandidos...
Tenho muitas outras histórias p contar,mas não caberia aqui...
Eu amo o Shaolin...ele está com 10 anos e sei que meu tempo com ele não será tão longo...mas eu estou curtindo muito ele, principalmente depois que assisti o filme. Estou convícto que teno que amá-lo o mais que eu puder enquanto ainda posso...assim como as pessoas que me rodeiam. Como diz o Sheakspeare: Devemos nos despedir das pessoas que amamos com uma plavra de amor e carinho pois pode ser a última vez que a vimos...e ainda que é preciso amar as pessoas como não se houvesse amanha..inclusive nossos amiguninhos peludos...rsrsr

Anônimo disse...

Vixi Esse Filme é o melhor,Mais Da Muita Dó :(,Mais Esse Sim è Fiel Ao Seu Dono.


Vale A Pena Assistir Mais é quase imposivel nao chorar,outro Filme Bom é Marley E Eu,É Muito Bom Dificil Nao Chorar Tambem ........

Quem quiser Add AE
r__macedo@hotmail.com Msn
E Fikem Com DEUS

amanda disse...

Gente eu assisti esse filme hoje!!! Chorei muitooooo!!!! muito lindo, e é dessa maneira não só cães da raça Akita, mas todas as outras raças tem esse instinto de ser guardiao e fiel ao seu dono até o fim da vida dele ou do cãozinho!!!! Não consigo contar esse filme para ninguem pois me debulho em lagrimas,!!!! lindo demais!!!